Dia Nacional de Combate ao Trabalho Infantil: proteger as crianças é um dever de todos


Você sabia que 12 de junho é o Dia Nacional de Combate ao Trabalho Infantil?
A data foi instituída pelo decreto de Lei nº 11.542 de 12 de novembro de 2007.

Nós da Sustenidos aderimos ao convite da Plan International do Brasil, em continuidade à campanha #QuarentenaSimViolenciaNão que agora convoca a todos para agir contra o trabalho infantil, adotando também a hashtag #DigaNãoAotTrabalhoInfantil.

12 de junho, vamos fortalecer e reforçar nosso posicionamento na luta e no combate
contra o trabalho infantil e o trabalho ilegal de adolescentes.

A condição ilegal de trabalho destrói a infância e a adolescência de pelo menos 2,4 milhões de meninos e meninas entre 5 e 17 anos no Brasil (Fonte: Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (PNAD) Contínua 2016, do IBGE).

As difíceis realidades dentro de um território diverso e desigual
Pesquisas setoriais e inéditas publicadas pelo FNPETI  – Forum Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil – https://fnpeti.org.br  revelam que mais de 580 mil crianças e adolescentes de até 13 anos trabalham em atividades ligadas à agricultura e à pecuária, que estão na lista das piores formas de trabalho infantil.

As crianças negras representam 62,7% da mão de obra precoce no País. Quando se trata de trabalho infantil doméstico, esse índice aumenta para 73,5%, sendo mais de 94% meninas. Esses números só começaram a ser explorados mais recentemente, devido ao reconhecimento do impacto do Racismo histórico e estrutural na sociedade brasileira.

Impactos
O trabalho infantil deixa marcas na infância que, muitas vezes, tornam-se irreversíveis e perduram até a vida adulta. Traz graves consequências à saúde (ansiedade, pânico, alterações no desenvolvimento cognitivo, fobia social, isolamento, perda de afetividade, baixa autoestima e depressão, problemas respiratórios, lesões e deformidades na coluna, alergias, distúrbios do sono, amputações, ferimentos causados por objetos cortantes, queimaduras, picadas de animais peçonhentos e morte), à educação (baixo rendimento escolar, distorção idade-série, abandono da escola e não conclusão da Educação Básica), ao lazer e à convivência familiar.

No Dia Nacional de Combate ao Trabalho Infantil devemos reforçar o posicionamento, mas esta causa é para ser combatida todos os dias!
Proteja nossas crianças e adolescentes  você também!!!

Faça parte dessa campanha. Use os cards e divulgue informações usando as hashtags. Compartilhe e, principalmente, denuncie!!!

#QuarentenaSimViolênciaNão #DigaNãoAoTrabalhoInfantil #Sustenidos #ProjetoGuri

Postagens relacionadas


Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/guri/public_html/novosite/wp-content/themes/projetoguri/content-single.php on line 51