Intercambistas de Moçambique e Noruega apresentam-se em São Carlos


Intercambistas - home

Da esquerda para a direita: Engristia Irina, Ole Berget, Tiger Massuco e Sandra Skroedal. Foto: Divulgação Projeto Guri

O Projeto Guri – maior programa sociocultural brasileiro, mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo – convida a população de São Carlos para conferir um concerto inédito com quatro intercambistas do Projeto MOVE. O evento, com participação especial de Nicolas Martins, integrante do Grupo de Referência de São Carlos – Big Band, ocorrerá no dia 27 de abril, às 20h, no Espaço 7.

Os jovens do MOVE – Musicians and Organizers Volunteer Exchange, Sandra Skroedal, Ole Berget, Engristia Irina e Tiger Massuco apresentarão 12 músicas africanas e norueguesas. Dentre os ritmos estão samba, reggae, rock, marrabenta, muthimba e afro. Segundo Engristia, a apresentação refletirá a essência dos músicos. “Por meio da música vamos mostrar os símbolos, tradições e traços culturais dos nossos países. Vou cantar e tocar ritmos que estão intimamente ligados à minha cultura e são a cara de Moçambique”, disse a jovem. Tiger Massuco também falou sobre a expectativa para o concerto: “Esperamos levar essa diversidade cultural e poder transmitir a nossa energia através da música”.

Pop, rock, canções populares e folclórica, novas e clássicas estão entre os ritmos noruegueses. “Vamos apresentar músicas calmas e outras mais animadas para as pessoas dançarem. Além de misturas moçambicanas e norueguesas. Queremos tocar boa música e mostrar o nosso trabalho”, disse Sandra.

Tiger tocará guitarra durante o repertório africano e baixo no rock norueguês; Sandra apresenta-se com voz e piano; Engristia, voz, percussão e dança; Ole tocará baixo na apresentação das músicas moçambicanas e guitarra no restante da noite; Nicolas comandará a bateria.

Mais informações sobre os intercambistas do MOVE:

  • Os noruegueses Sandra Skroedal e Ole Sigvart Berget, ambos com 20 anos, têm suas trajetórias ligadas à música e estão exercitando no Brasil seus conhecimentos na área.
  • Engristia Irina (26) mora em Maputo, capital de Moçambique, é formada em balé pela Escola Nacional de Dança da sua cidade, cursa o último ano de Gestão Cultural e também canta. A jovem trabalha no seu país dando aulas para crianças de 2 a 13 anos em uma escola regular, que tem atividades culturais.
  • Isaias Massuco (28), mais conhecido como Tiger Massuco, é natural de Xai-Xai e aprendeu a tocar guitarra e baixo sozinho. Após um intercâmbio de 15 dias na Austrália, o jovem montou a banda Mandlozi (alma) que toca jazz, blues e rock.

Serviço: Concerto Projeto MOVE
Quando: 27/4 – quinta-feira
Horário: às 20h
Local: Espaço 7
Endereço: R. Sete de Setembro, 1.447, Centro – São Carlos/SP
Entrada: gratuita. Evento aberto ao público.
Parceiro local: Prefeitura Municipal de São Carlos

Sobre o MOVE
O MOVE (Musicians and Organizers Volunteer Exchage) é um programa de intercâmbio para jovens músicos criado pela organização parceira JM Norway e promovido no Brasil pela Amigos do Guri. O objetivo é promover o intercâmbio cultural entre jovens músicos voluntários e as organizações parceiras (Music Crossroads Malawi, Music Crossroads Moçambique, Amigos do Guri, JM Norway e Trøndertun Folk High School). Os participantes passam a viver no país para o qual foram selecionados durante seis ou dez meses, e trabalham como voluntários em uma destas organizações. Em 2016, dezesseis jovens, sendo quatro de cada uma das instituições conveniadas, foram beneficiados com a proposta. Os participantes que recebemos no Brasil ficam sediados em um apartamento na cidade de São Carlos, e trabalham como voluntários no Polo Regional de São Carlos e em outros polos da região. Na primeira edição recebemos dois participantes da Noruega e dois de Moçambique. A Amigos do Guri também selecionou os quatro participantes brasileiros, dos quais dois foram para a Noruega e dois para o Malawi. Esse mesmo formato será repetido em 2016/2017. As inscrições para os próximos participantes brasileiros serão abertas no primeiro semestre de 2017.