Amigos do Guri: Melhor ONG de Cultura; na lista das 100 Melhores ONGs para se doar


melhor_ong_redes

A Associação Amigos do Projeto Guri conquistou dois títulos: entrou na lista das 100 Melhores ONGs de 2018 e ganhou o selo de Melhor ONG de Cultura de 2018. Os prêmios foram concedidos pelo Guia 100 Melhores ONGs, durante cerimônia realizada no Museu de Arte Moderna, em São Paulo, na noite do dia 1º de novembro. Trata-se do maior reconhecimento do Terceiro Setor no Brasil.

A Amigos do Guri, organização responsável pela administração de mais de 330 polos de ensino do Projeto Guri – maior programa sociocultural brasileiro mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo – no interior, litoral e Fundação CASA. Ao todo, mais de 40 mil crianças e jovens, de 6 a 18 anos, são atendidos por ano nos polos. Nos Grupos de Referência e na Fundação CASA participam estudantes de até 21 anos.

O prêmio Melhores ONGs foi criado para valorizar as organizações filantrópicas que se destacam pelo trabalho em prol da sociedade com boas práticas de gestão e transparência. No critério de seleção são avaliados os processos administrativos, contábeis, financeiros e de comunicação para selecionar as 100 melhores entre as mais de 800 mil instituições em atuação no País. A segunda edição do Guia recebeu 1.700 inscrições, 28% a mais do que no ano passado. Com esse trabalho, o Instituto Doar e a Rede Filantropia estimulam a melhoria contínua da gestão das entidades e criam espaços de visibilidade para ONGs encontrarem mais doadores.

Sons que Transformam Vidas foi o título escolhido para definir o Projeto Guri no Guia. “Receber o prêmio de Melhor ONG de Cultura e entrar para a lista das 100 Melhores ONGs demonstra o reconhecimento sobre a importância da prática musical coletiva no desenvolvimento de gerações em formação. É uma honra e reflete o trabalho dos nossos colaboradores e guris”, disse Alessandra Costa, diretora executiva da Associação Amigos do Projeto Guri.

Lista completa das 100 Melhores ONGs: https://melhores.org.br/

Mais informações sobre a criação do prêmio: http://www.institutodoar.org/o-processo-de-criacao-do-premio-melhores-ongs/

Patrocinadores e apoiadores do Projeto Guri – Amigos do Guri: Instituto CCR por meio da CCR AutoBAn e CCR SPVias; CTG Brasil; VISA; VALGROUP; Supermercados Tauste; AES Tietê; Microsoft; WestRock; Novelis; Usina Colorado; Banco Votorantim; Capuani do Brasil; Caterpillar; Grupo Maringá; Pinheiro Neto; EMS; Sky; Magazine Luiza; Mercedes-Benz; ASTA; Catho; CODESP; Raízen; Arteris; Supermercados Rondon; Castelo Alimentos; Hasbro.

Sobre a Amigos do Guri A Amigos do Guri é uma organização social de cultura que administra o Projeto Guri. Desde 2004, é responsável pela gestão do programa no litoral e no interior do estado de São Paulo, incluindo os polos da Fundação CASA. Além do Governo de São Paulo – idealizador do projeto –, a Amigos do Guri conta com o apoio de prefeituras, organizações sociais, empresas e pessoas físicas. Instituições interessadas em investir na Amigos do Guri, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm incentivo fiscal da Lei Rouanet e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Pessoas físicas também podem ajudar. Saiba como contribuir: www.projetoguri.org.br/faca-sua-doacao.

Sobre o Projeto Guri Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos. Mais de 49 mil alunos são atendidos por ano, em quase 400 polos de ensino, distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os mais de 330 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação CASA, são administrados pela Amigos do Guri, enquanto o controle dos polos da capital paulista e Grande São Paulo fica por conta de outra organização social. A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Desde seu início, em 1995, o Projeto já atendeu cerca de 650 mil jovens na Grande São Paulo, interior e litoral.

Sobre o Instituto Doar O Instituto Doar tem como missão ampliar a cultura de doação no Brasil. Em 5 anos de existência, criou o Selo Doar, que certifica organizações em gestão e transparência, trouxe para Brasil o Dia de Doar, uma iniciativa que já está em mais de 20 países e agora lança a segunda edição do Guia Melhores ONGs, cujo objetivo é além de reconhecer ONGs exemplares, oferecer às pessoas um leque de opções de doação por todo o Brasil e das mais diversas causas.